Aviso: Alteramos a página inicial para mostrar os novos contos que foram aprovados, não deixe de enviar seu conto.

PERDEU A NAMORADA NO JOGO DE CARTAS

COSTUMAVA ME REUNI COM COM UNS CARAS PRA JOGAR CARTAS. NUM BELO DIA, UM DELES ME LIGA PRA AVISAR QUE TODOS LEVARIAM SUAS GAROTAS, PRA EU IR ACOMPANHADO TAMBEM. COMBINEI COM A MINHA QUE POR SINAL É UMA DELÍCIA E ADORA ROUPAS DECOTADAS E CURTAS, NESTE DIA NÃO FOI DIFERENTE. COLOCOU UMA BLUSINHA COM A BARRIGINHA DE FORA, QUE MAL TAPAVA O BIQUINHO DO PEITO, UMA MICRO SAIA, AMBAS PRETAS E UM SALTO BEM ALTO.

CHEGANDO LÁ, A SURPRESA. ELA ERA A ÚNICA MULHER ALÍ (CADA UM DEU UMA DESCULPA, PELA AUSÊNCIA DE SUAS GAROTAS). ENTRAMOS E TODOS FIZERAM QUESTÃO DE CUMPRIMENTA-LA TIRANDO UMA CASQUINHA.

COMEÇAMOS O JOGO E MINHA GATINHA, HORA ESTAVA SENTADA NO SOFÁ, DANDO UMA VISÃO MARAVILHOSA DE SUAS COXAS, HORA SERVINDO ALGO PRA GENTE à MESA, TAMBÉM PERMITINDO QUE TODOS VISSEM BOA PARTE DE SEUS PEITINHOS. EU PERCEBIA, NÃO SÓ OS OLHARES, MAS TAMBEM OS SARRINHOS QUE ELES TIRAVAM DELA.

LÁ PELAS TANTAS, FALEI QUE IRIA EMBORA, POIS NÃO TINHA MAIS GRANA. FOI QUANDO UM DELES SUGERIU:

- VC TEM ALGO QUE INTERESSA A TODOS, PODERIA USAR COMO FORMA DE PAGAMENTO.

JÁ PERCEBEMDO A INTENÇÃO, PERGUNTEI O QUE SERIA. COM UM OLHAR NA DIREÇÃO DELA, ELE RESPONDEU. SEM CONSULTA-LA CONCORDEI. ENTÃO ELES DISSERAM:

- SE PERDER, O PEITINHO DELA É NOSSO.

PERDI E FIZ UM SINAL PRA ELA VIR. PAROU DO MEU LADO, SEGUREI SUAS MÃOS PARA TRÁS E DEI OK. O 1o, A ALIZAVA E APERTAVA, ELA FICOU ASSUSTADA, MAS MUITO EXITADA. O 2o, FOI MAIS ABUSADO, ABRIU A BLUSA E LAMBIA, COM A PONTA DA LÍNGUA AQUELES PEITINHOS. O 3o, FOI DIRETO CUPANDO OS BIQUINHOS JÁ DURINHOS. EU JÁ HAVIA SOLTADO A MÃOS DELA E APERTAVA AQUELA BUMDINHA DELICIOSA, INDO COM O DEDO ATÉ SUA BUCETINHA.

A APOSTA SEGUINTE, SERIA: ELA SE DEBRUÇARIA à MESA E ELES PODERIAM FAZER O QUE QUISESSEM, USANDO APENAS A LÍNGUA. APÓS PERDER MAIS UMA, ELES FIZERAM UMA FILA ATRAS DAQUELE RABINHO LINDO, IMPINADO E SE REVEZAVAM. ELA ME DIZIA, QUASE SEM AR, TUDO QUE ELES FAZIAM: “ELES ESTÃO LAMBENDO E ENTERRANDO A LINGUA NA MINHA BUCETA”...”AGORA TÃO LAMLENDO MEU CUZINHO” … “TÃO COMENDO MEU CÚ COM A LINGUA. ELA NEM ABRIA OS OLHOS DE TANTO TESÃO, QUANDO MANDEI PARAREM.

APOS EU PERDER NOVAMENTE, ELA TINHA QUE SENTAR NO COLO DE CADA UM. SENTOU NO 1o E SENTIU UM VOLUME ENORME POR DENTRO DA CALÇA DO CARA. O 2o, MAIS ESPERTO, SEM NINGUEM PERCEBER, TIROU A PICA PRA FORA. QUANDO ELA SENTIU, A CABEÇA ENCOSTANDO NA BUCETINHA, ELA TENTOU SAIR, MAS O CARINHA A SEGUROU FIRME E A PUXOU DE UMA SÓ VEZ, ELA DEU UM GEMIDO, PERCEBI ALGO DIFERENTE E EM SEGUIDA ELA FALOU:

- ESSE PUTO TA COM O PAU INTEIRO DENTRO DA MINHA BUCETINHA (O CARA A LEVANTAVA E DESCIA, NAQUELE MASTRO ENORME).

CHEGOU A VEZ DO 3o, QUE FEZ A MESMA COISA, SÓ QUE ESSE, QUERIA O RABINHO DELA, QUE TENTAVA FUGIR INUTILMENTE, FOI QUANDO A PICA ENCAIXOU E ELA NÃO OFERECIA MAIS RESISTÊNCIA, APENAS GEMIA E DIZIA:

- ELE TA ARROMBANDO MEU CÚ, ELE PODE FAZER ISSO?

EU RENSPONDI:

- CLARO, APOSTA É APOSTA.

E AINDA MANDEI OS OUTROS DOIS SE APROXIMAREM, UM DE CADA LADO, COM AS PICAS PRA FORA. ELA COMEÇOU A PUNHETA-LOS. EM SEGUIDA, ORDENEI QUE CHUPASSE OS DOIS. HORA ELA ABOCANHAVA O DA DIREITA, HORA O DA ESQUERDA E AS VEZ OS DOIS JUNTOS. PERCEBI, QUANDO ELA ESTAVA QUASE GOZANDO E MANDEI TODOS PARAREM, ELA AINDA TENTOU SEGURA-LOS, MAS NÃO PERMITI E MANDEI QUE ELA ME AGUARDASSE NO SOFÁ.



ELA AINDA TENTAVA RECOMPOR A POUCA ROUPA QUE VESTIA, LAMBENDO OS LÁBIOS DE TESÃO, QUANDO NOS APROXIMAMOS, OS QUATRO. AFINAL, EU ACABAVA DE PERDER A ÚLTIMA APOSTA, QUE O PAGAMENTO SERIA UM VALE TUDO.



UM DELES, SENTOU-SE AO LADO DELA, PUXOU-A PARA CIMA DELE, ELA AJOELHADA DE FRENTE PARA O ENCOSTO COMEÇOU A SER PENETRADA, EM POUCOS SEGUNDOS, CAVALGAVA ALUCINADAMENTE NAQUELA VÁRA DURÍSSIMA. MANDEI QUE UM OUTRO, FICASSE EM PÉ NO SOFÁ, AO LADO DELA, PARA QUE ELA PUDESSE CHUPA-LO. ESTAVA SE APROXIMANDO O PONTO MÁXIMO DAQUELA NOITE. FOI QUANDO OS DOIS QUE A COMIAM, QUASE PARARAM OS MOVIMENTOS, O 3o CARINHA, SAFADO, ENCOSTOU O PAU NO CUZINHO, ELA FECHOU OS OLHOS, MORDEU OS LÁBIOS E O CARA, SEM PENA, FOI ENTERRANDO. EU VI AQUELA PICA SUMINDO DENTRO DO RABINHO DA MINHA GOSTOSA, EU MAU CONSEGUIA VE-LA. AQUELES TRES PUTOS FUDENDO MINHA CADELA. ENTÃO NÃO RESISTI, FUI PARA O OUTRO LADO, SEGUREI-A PELOS CABELOS E A FIZ CHUPAR O MEU PAU.

O CARA DO OUTRO LADO COMEÇOU A GOZAR NO SEU CORPINHO, AO SENTIR AQUILO QUENTE NAS COSTAS, ELA NÃO CONSEGUIU SEGURAR SEU GOZO, MANDEI QUE TODOS PARASSEM, MAS SEM TIRAR DE DENTRO. ELA NÃO PARAVA DE GOZAR, POIS SENTIA NO CÚ, NA BUCETA E NA BOCA, AS PICAS AINDA CRAVADAS.

DEPOIS DE LONGOS SEGUNDOS, ERA A NOSSA VEZ. REINICIAMOS OS MOVIMENTOS, PICA ENTRANDO E SAINDO. COMECEI A ENCHER SUA BOCA COM JATOS FORTES DE PRAZER, LOGO EM SEGUIDA, OS OUTROS 2 TAMBEM.

ELA PERCEBENDO O PRAZER QUE DAVA A TODOS NÓS, INICIOU UM GOZO DELICIOSO, COMO SE NEM TIVESSE PARADO. EU NUNCA SENTI, NEM VI MINHA PUTINHA SENTIR TANTO PRAZER.

DÍVIDA PAGA, TOMAMOS UM BANHO E FOMOS EMBORA. A PARTIR DAÍ, LEVEI-A A VÁRIOS OUTROS CARTEADOS COMO ESTE. UM DELES, COM 7 JOGADORES E ELA DEU CONTA DE TODOS. OUTRA HORA CONTO COMO FOI.