Aviso: Alteramos a página inicial para mostrar os novos contos que foram aprovados, não deixe de enviar seu conto.

UM VERDADEIRO BEZERRINHO.

Um Verdadeiro Bezerrinho.



Olá á todos, tenho 19 anos, mais o que vou contar acontece desde os meus nove anos. Bom minha mãe é separada e tem um namorado que me acolheu como filho, ele gosta muito de mim e de minha irmã. Sempre que ele estava namorando com minha mãe, eu via minha mãe fazendo um delicioso boquete, eu ficava com água na boca, querendo está no lugar de minha mãe. Sempre que podia ficava no colo dele, deitava em seu colo para assistir TV. Um dia minha mãe estava dormindo, minha irmã foi para seu quarto e eu fui para sala assistir TV. O namorado da minha mãe estava na sala, deitei em seu colo, como ele estava de calção sem cueca, logo senti seu membro perto do meu rosto e fiquei mexendo a cabeça de um lado para outro e seu pintinho foi crescendo e pulsando, como estávamos sozinho na sala ele relaxou e durmil, criei coragem e meti minha mão por baixo do calção e peguei em sei pintinho, como ele não acordou passei a massageá-lo, fui criando coragem e cheguei perto do meu rosto senti o seu cheiro e coloquei na boa. Que delicia sem saber como comecei a chupá-lo com uma alegria imensa e muita satisfação, logo peguei o jeito e não queria mais largá-lo. O namorado da minha mãe acorda, segura na minha cabeça e goza na minha boca sem deixar eu tirar minha boca e faz com que eu beba todo o seu leitinho. Fica assustado, não entende o que aconteceu, da um sorriso e vai dormir no quarto com minha mãe e eu fico no sofá sem entender nada. Vou para meu quarto tento dormir pensando no que fiz. Quando estou quase pegando no sono o namorado da minha mãe entra no meu quarto, senta na minha cama e sem saber o que dizer pergunta por que fiz isso. Respondo que tive vontade de fazer vendo minha mãe fazer, queria saber como era e se você ia gostar. Diante da minha resposta ele passa a mão na minha cabeça, no meu rosto e pergunta se eu gostei de chupar ele. Disse que sim e perguntei se ele iria falar para minha mãe, ele responde que seria um segredo sá nosso e se eu queria continuar de onde parei. Fico assustado, arregalo os olhos e pego no seu pintinho, faço uma massagem e coloco na boca. Começo a chupar e não paro mais. Sempre que estamos juntos do um jeito de dar uma mamadinha nele. Á noite ele namora com minha mãe e depois ele vira de lado para a porta, é a deixa para eu entrar e mamar nele até eu tomar todo seu leitinho. Já que minha mãe toma remédio controlado para dormir. Nessa hora sinto o gosto da vagina da minha mãe, e um dia falei que o gosto é muito bom, ele me pegou e colocou minha boca na vagina de mamãe e assim chupei minha mãe e todo seu leitinho que estava lá.

Isso eu tinha 9 para 19 anos. Hoje estou com 19 e continuo mamando meu padastro, desde os 19 anos peço para ele me comer, mais ele já disse que vai ser meu prezente de 19 anos.