Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PEIDANDO NA ROLA

Lembro que foi num dia das férias e minha tia veio passar uns dias aqui em casa com meu primo, com 19 na época e eu tinha 12. daí um dia ela e minha saíram pra passear na cidade e deixaram eu e meu primo sozinhos jogando vídeo-game, numa certa hora eu parei na frente dele com a bunda virada pra cara dele e soltei um peidasso, pensando que ia deixa-lo bravo. Sá que ao invés disso ele me puxou e encostou a cara na minha bunda falando: Hum que delicia, sempre adorei quando vc soltava um peido, sempre quis levar um peido seu na cara e eu disse então ta com sorte porque vou soltar mais um, ai ele falou tira a bermuda e a cueca também.

Eu abaixei e bermuda e a cueca , daí ele abriu minha bundinha e ficou apertando-a e disse, vai pode soltar um peidão bem gostoso e foi o que eu fiz soltei um peidão muito bom q acho q durou uns 8 segundos, me senti um rei ali com a bunda arreganhada peidando na cara dele, quando terminei ele começou a beijar minha bundinha e perguntou gostou de peidar na minha cara e eu respondi que sim que tinha adorado.

Daí ele perguntou: posso beijar seu cuzinho tb, daí eu disse claro, e ele me mandou ficar de 4 na cama e abri a bunda e eu obedeci. Fiquei de 4 arreganhando a bunda com a mão, ai ele disse relaxa q vc vai adorar isso e falou também e já sabe se der vontade pode soltar quantos peidões vc quiser porque como vc já sabe eu adoro.

Ai ele começou a beijar, lamber e enfiar a língua no meu rabinho, e perguntava, ta gostando, eu estava adorando, nunca tinha sentido uma sensação tão boa, na hora q eu soltei o 1ª peido na na boca dele ele quase se afogou pq foi um grandão, foi muito bom meu corpo se arrepiou todinho, nunca tinha sentido uma sensação tão deliciosa , meu cuzinho até começou a piscar , daí ele parou de lamber um poco e disse, huuum que maravilhoso, e perguntou foi bom e eu respondi q nunca tinha sentido nada igual.

Ele voltou a lamber e eu soltei mais um, daí ele me perguntou se eu queria soltar um peido de umjeito mais gostoso que aquele, eu num pensei duas vezes disse q sim q ia amar, daí ele disse q quando eu fosse soltar mais um pra eu avisar, daí ele ficou mais uns 5 min, eu tava adorando meu cuzinho num parava de piscar.

Numa certa hora eu disse vou soltar um e parece q vai ser uma rajada e ele falou átimo, entaum fica bem relaxado e quando eu disser solta com vontade, daí ele tirou o pau já durinho encostou a cabecinha no meu rabinho todo babado e falou vai peida bem gostoso, daí eu comecei a soltar, e conforme aquele peidasso ia saindo senti a rola dele entrando, foi muitíssimo gostoso, quando o peidão saiu todo a rola dele já tinha entrado todinha, daí ele perguntou se foi bom eu respondi q tinha sido o maximo mas pedi pra ele tirar pq tava doendo e ele falou pra eu ficar calmo q a dor já ia passar e eu ia adorar, q ia ser como soltar um peidao sem parar, eu gostei da idéia e relaxei, daí ele começou a tirar devagar, ai quando tava soh a cabecinha dentro ele começou a enfiar denovo, a dor já tava passando, daí ele começou o vai e vem mais rápido, não demorou muito eu já tava adorando aquilo, comecei a abrir mais a bunda e empurra-la pra traz pra sentir aquele pinto dentro de mim, naum demorou muito ele gozou no fundo do meu cuzinho e na mesma hora eu tb gozei.

Foi a primeira vez q eu dei a bundinha e tb foi a minha 1ª gozada, e que gozada, foi soh com o prazer q estava sentindo no cuzinho nem toquei no meu pau e nem ele tb, daí ele esperou o pinto amolecer dentro no meu cu e na hora q ele tirou escapou um peidão muito gostoso, daí ele começou a beijar e minha bunda e perguntou se tinha sido bom e eu disse q sim q tinha sido a coisa mais gostosa q eu já tinha feito e disse isso beja mais q vou te dar um presente, daí ele já sabendo do que se tratava abriu minha bunda e recebeu mais outro peidasso na cara e falou hum priminho, já gostava de vc depois de hoje eu te amo,agora sempre q der, mesmo q seje de roupa, quando for peidar põe essa bundinha peidorreira deliciosa na minha cara.

Naquelas férias eu ainda dei o cuzinho mais 4x pra ele e peidões na cara dele acho q foram mais de 200

Antes disso eu já adorava peidar, desde os 9 eu já gostava de passar a mão na minha bunda ficar apertando ela e na hora de peidar gostava de arreganha-la, depois daquelas férias eu sempre q ia peidar dava um jeito de enfiar o dedo no rabinho na hora, até quando estava na escola e dava vontade de soltar um eu pedia pra professora pra ir no banheiro, e la eu abria a bunda e enfiva bem gostoso o dedo no cuzinho na hora de soltar o pedião. Fiquei viciado nisso mais ou menos ateh uns 14. hoje em dia eu ainda faço mas com muito menos frequência.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS